sexta-feira, 5 de maio de 2017

Manifestações Culturais na Europa da Idade Moderna


Processos históricos inseridos no contexto da transição do Feudalismo para o capitalismo.
I - Renascimento Cultural

- Mudança na visão artística, literária e científica que usava como base a cultura clássica greco-romana.

- Surgiu na Itália e difundiu-se pela Europa Ocidental.

- Tem como características o realismo, naturalismo, antropocentrismo, racionalismo, hedonismo, etc.
Criação do homem por Deus - detalhe do teto da Capela Sistina - Michelangelo
Alguns personagens que se destacaram: Leonardo Da Vinci, Michelangelo, Miguel Sevet, Nicolau Copérnico, Galileu Galilei, Erasmo de Roterdã, Dante Alighieri e outros.

- Humanismo – A intelectualidade europeia passou a valorizar o racionalismo, buscar a acumulação do conhecimento e a fazer pesquisas. Tudo desvinculado do controle da Igreja Católica.

II - Reformas Religiosas
O século XVI teve como uma de suas manifestações mais profundas o processo de reformas religiosas, responsável por quebrar o monopólio exercido pela Igreja Católica na Europa e pelo advento de uma série de novas religiões que, embora cristãs, fugiam aos dogmas e ao poder imposto por Roma, as chamadas religiões protestantes.

Também não se pode deixar de lado a influência do Renascimento Cultural, no sentido de romper com o monopólio cultural exercido pela Igreja Católica na Idade Média.

Principais Movimentos Reformadores Religiosos

Martinho Lutero
1) Luteranismo
- Aconteceu na Alemanha e difundiu-se para outros países da Europa.

- Líder: Martinho Lutero.
- Defende a Doutrina da Salvação pela Fé.
- Longas guerras entre a nobreza católica e a nobreza luterana aconteceram
(a nobreza luterana queria se livrar da interferência do Imperador do Sacro Império e do Papa sobre seus reinos).
Assista ao filme Lutero: https://www.youtube.com/watch?v=PlP-Xt4LLNg




2) Calvinismo

João Calvino
- O início aconteceu na Suíça e difundiu-se para os Países Baixos e para A Grã Bretanha.
- Líder: João Calvino
- Defende a Doutrina da Predestinação Absoluta. 
- Calvino obteve apoio da burguesia que estava incomodada com a ideia da usura ser um grave pecado (de acordo com a Igreja Católica da época).
- João Calvino esteve à frente de uma ditadura moralista em Genebra.              


Henrique VIII




3) Anglicanismo

- Líder: rei Henrique VIII, da Inglaterra.
- Rompeu com o Papa, separou a Igreja inglesa da Igreja Católica Romana.
- Seus objetivos eram: ampliar a sua autoridade (confiscou os bens da Igreja na Inglaterra para usá-los no Estado Inglês), tornou-se chefe da nova Igreja, divorciou-se diversas vezes para tentar ter um filho do sexo masculino).

 

4) Contrarreforma Católica
- Concílio de Trento – Os cardeais católicos, reunidos com o Papa, resolveram manter os dogmas e os sacramentos e reorganizaram o Tribunal do Santo Ofício (dando maior autonomia aos processos de inquisição que puniam as divergências de interpretação da religião).
Concílio  de Trento
- Criação da Companhia de Jesus - coma permissão do Papa, Inácio de Loyola criou uma ordem religiosa católica chamada de Companhia de Jesus (os padres jesuítas foram importantes na expansão do catolicismo para outros continentes).

Nenhum comentário:

Postar um comentário